Este é cantinho das nossas montagens feitas com as nossas Nancys e outras nenas. A maioria foram elaboradas e apresentadas no foro nancydefamosa. Também incluimos as montagens que ofereçemos com muito carinho e as que recebemos com muita alegria e emoção....

quarta-feira, 28 de julho de 2010

Rainha do Frio (Queen of Frozen)

A Belissima arti ruiva do meu amiguinho Cis e o Fabuloso traje feito pela minha amiguinha Tininha inspiraram-me nas montagens e tentei plasmar de acordo com as fotos poemas mas que não são da minha autoria.

Este traje é um dos meus favoritos .... andava louquita por ele....acabei por ceder a ideia ao meu amiguito no dia do seu aniversário que ficou complementamente rendido aos seus encantos.....o resultado está bem patente nas fotos.

Começo pela Montagem que considero um Estrondo nos meus primeiros passos pelo Photoshop e foi Regalo para Cis:



















A Rainha do Frio respondeu sobre o que levou a congelar a sua alma:

“O Meu Coração chora,
A Minha alma Grita
E eu afundo mais e mais
Ficando sozinha, ficando para atrás
No Escuro, no Frio..

Sem ti a Minha Vida não Faz Sentido,
Sem ti não Sou nada
Sempre que vais Embora,
Levas uma parte de Mim contigo!

Vais embora tantas Vezes, e levas tanto de Mim
Que um Dia ao Voltares
Já não estarei.

No meu lugar Estará uma Estranha
Com o coração despedaçado
E uma alma perdida

E penso:
Se o Mundo acabar amanhã…..
E eu não souber se me amas?
Se alguma vez amaste?

Muitas Vezes me pergunto se Posso ser Feliz
Ou se a Minha única opção é Sofrer de te Amar!..

Já parei de me iludir,
com falsas esperanças, lembranças..
Espero um Dia Voltar
Voltar a seu EU, somente Eu

Enquanto isso eu Espero
Espero por ti, pelo tempo,
Por nós
Somente espero e Amo..."

A mascara veneziana inspirou-me nesta montagem perto da ponte de Rialto e acabamos por viajar um pouco pelos canais desta Bela Cidade.....
















Fue a Venecia contemplar y profundar el amor
donde pase se me cayó todo el dolor
Caminaba a cantar tristes melodías de color
Empecé a navegar por las aguas sin sabor
en la góndola paciente que me lleve a donde el sol se ponga
cerca del horizonte que nunca llegue
mismo así no me canse.

Estas aguas que son las calles donde pasé
contiene la fórmula mágica que intentó
para transformar el dolor que se movía
navegar en góndola por las callejuelas de Venecia
Meditaba majestuosamente y sin darse cuenta vio
que mi amor fantaseé.

Fue especial porque yo vivía
cada luce encendida
en la ciudad donde yo me perdía
me embriaga con la opera secular que se oía por todas partes
déjame navegar para encontrar a mi amor
que estaba dormido en la orilla del puente
sin imaginar que me pertenece.

Pero Venecia de mis sueños me hace más fuerte
y me dice lo que veo con el corazón
y revela que las nubes de mi amor
me hace rehén y cautivo
de una flor completa ausente en Venecia
una margarita que destaca las calles del amor con su fragancia.

Venecia curar mi dolor y aumento mi inocencia
que mi memoria me hace sufrir
creer que un día me sentí
mi corazón a palpitar con el corazón de una flor, una margarita
esa flor que sólo está en fragancia en esta ciudad.
Venecia por mi amor……

Sem comentários:

Enviar um comentário